Filmes & Livros

RESENHAS

Leia mais

Confira aqui as novidades

DESTAQUES

Leia mais

Novidades

LANÇAMENTOS

Leia mais

Resenha: O Descompasso Infinito do Coração!











Titulo: O Descompasso Infinito do Coração
Série Batidas Perdidas
Autora: Bianca Briones
Editora: Verus
Paginas: 406
Ano: 2015
Classificação:  














Sinopse: Clara acaba de descobrir a traição do marido. Com dois filhos pequenos e a baixa autoestima que a consome, ela vê sua vida mudar drasticamente, apesar do desejo de permanecer na zona de conforto.

Bernardo é apaixonado por Clara desde a adolescência. Agora ele tem a chance de conquistá-la e mostrar que os dois devem finalmente ficar juntos. Mas o que parece tão simples, para ele, é complexo demais para ela.

Enquanto Bernardo é preenchido por certezas, o coração de Clara é inundado de receios, traumas e dúvidas.

Como viver o presente quando o passado não deixa você olhar para frente? Será que um coração despedaçado pode recuperar a capacidade de amar?

E o mais importante: como se entregar de corpo e alma quando não se consegue amar nem a si mesma?
Em O descompasso infinito do coração, Bianca Briones mostra que o verdadeiro amor pode resistir ao tempo e a cada obstáculo que a vida lhe impõe. Esta é uma história intensa e comovente de segredos, paixão e amizade. É a última chance de dois corações que cansaram de viver separados. 







Resenha: O Descompasso Infinito do Coração, fala sobre a história de Clara e Bernardo. 

Clara é uma mulher bonita, guerreira, sonhadora, casada, com dois filhos. Neste livro ele acaba de descobrir uma traição de seu marido. 

Bernardo é um cara bonito, maduro, bem responsável, um amigo maravilhoso que todos desejariam ter, e desde sempre, carrega um sentimento bem forte e intenso por Clara. 

Ambos se conhecem a muitos anos, sempre foram amigos, mas Clara nunca olhou pra ele como ele olha pra ela. 

"Se antes eu superei a paixonite em instantes, agora sei que é impossível, porque as paixões podem ser levadas pela água da chuva, mas o amor... O amor não vai embora nem com a pior das tempestades."

Bernardo voltou de Londres depois de passar uns anos por lá, e fica sabendo que Clara está sofrendo por culpa da traição do marido do qual ele nunca gostou. 
E com isso, ele vê a chance de conquistar o coração de sua grande paixão. Mas ele sabe que antes de qualquer coisa, precisa ajudá-la a se reerguer, a ganhar confiança em si mesma, e ver o quanto ela é maravilhosa é linda. E para isso ele precisa ser primeiro amigo fiel, antes de tentar pular para algo mais. 

" As vezes para ficar mais forte, é preciso quebrar primeiro. É uma reconstrução. " 


E ele descobre que só não é a traição do marido que a machucou tanto, Clara passou por muitas coisas no passado, traumas, medos que ela carrega consigo até hoje. 
E somente um amor forte como o que Bernardo carrega por ela a tantos anos que pode transformar a inocente Clara. 

Ela se sente segura com ele, sente que ele a entende de verdade, e cuida dela como seu marido nunca cuidou. Mas ela fica naquela indecisão: ficar na zona de conforto com seu marido por conta dos seus filhos, ou se jogar de cabeça em algo novo com Bernardo? ...


"Quantas vezes o coração aguenta ser partido? Quantas vezes é preciso que ele seja despedaçado para podermos considerar a chance de desistir? Quando é aceitável se resignar e parar de lutar? Quantas vezes é preciso ser forte e enfrentar aquilo que nunca imaginamos passar?"






Esse livro realmente me conquistou do início ao fim. Clara e Bernardo aparecem em As Batidas Perdidas do Coração. O livro que narra a história de Rafael e Viviane, o primeiro da série Batidas Perdidas. 

E já naquelas poucas aparições deles, eu já queria saber mais afundo sobre os dois. E a Bianca nos presenteou com esse livro incrível. 

“Eu amo a Clara. De um jeito  louco, de um jeito tranquilo, de um jeito quase insuportável.
É um amor que me machuca e me conforta ao mesmo tempo."  

Com uma narrativa na primeira pessoa, o livro é narrado tanto por Clara, como por Bernardo, numa narração intercalada pelos dois. 
E com isso vemos tanto as inseguranças, medos, frustrações, tudo que a nossa querida Clara passa, e todo o amor, o sentimento de proteção, todo o afeto que o Bernardo carrega dentro de si desde que eles se conhecem. 

"Acho que deveria ter um regra para o amor: deveríamos poder tirar a dor de quem amamos e transferir para nós. Pouco importa se ficaríamos sobrecarregados. Eu só queria ser capaz de arrancar cada mágoa do coração dela."


E posso dizer, a história é incrível. Me peguei em vários momentos rindo, chorando, incentivando, sofrendo junto com os dois. 
É cada um me conquistou de um jeito. Me vi muitas vezes na Clara, com seu jeito tímido e inseguro, e me encantei com o jeito todo fofo do Bernardo e o jeito todo protetor dele não só com Clara, com Viviane, que é sua melhor amiga. 

Os personagens do primeiro livro da série também estão presentes nesse livro, é claro, deixam sua marca registrada na história. Como por exemplo a Branca, com todo seu jeito doido, divertida, que mesmo nas horas difíceis e tensas, ela tenta alegrar todos ao seu redor (o que me faz ama-la demais.) É nossos queridos Rafa e Vivi também estão neles.
Mas claro que só lendo vocês vão saber qual o papel fundamental deles nessa história.


"Eu me perco em sua inocência e me questiono se um dia ela vai estar preparada para esse mundo tão diferente dela. Ela tem tanto potencial para ser forte e tanto medo de tentar."


Tenho certeza que se vocês se encantaram no primeiro livro da série, vocês vão amar esse segundo também. 



SPOILER: uma das coisas que ajuda muito a Clara, e a pratica de um esporte, o Mahamudra, que faz uma mudança significativa nela. 
Mas só lendo vocês vão saber o que mudou nela, e o que e é esse esporte. E assumo, eu quero praticar esse esporte um dia. 



“Eu divido minha vida em camadas. A primeira é aquela que mostro para as pessoas, e que exige de mim um esforço maior. É ela que eu normalmente uso para fingir que estou feliz. Abaixo dela vem a realidade: estou triste, minha vida vai mudar e preciso enfrentar isso. E por último, soterrada lá embaixo, estou eu, meu verdadeiro eu, totalmente perdida”






Bianca, minha xará, tem uma forma de escrita incrível, cativante, empolgante, que é impossível você não se apaixonar.
Já rasguei elogios pra ela na outra resenha, e digo agora na segunda: Bia não pare de escrever nunca. 
Quero sempre ter seus livros na minha estante!


É um livro gostosos de ler, um new adulto leve, divertido, emocionante que te faz ter vários sentimentos desde a primeira página até a última, é claro conquista seu coração.
Então corram para ler essa história, e descubram se Bernardo irá conseguir ficar com seu grande amor Clara. 

É claro o primeiro livro da série e todos os outros que viram por ai .... E que logo logo terá resenha aqui também. 


" E nada mais pode separar dois corações que finalmente batem no mesmo compasso ... " 


Até a próxima 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Encontrei nas Entrelinhas - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo